top of page

VITÓRIA! AS ÁRVORES DA AVENIDA JAGUARARI VÃO FICAR



Professor Robério, ativistas ambientais, representantes da prefeitura, moradores, representantes da Escola Dom Marcolino e Promotor do Ministério Público em visita a rua Jaguarari.

Depois de vários atos em defesa da manutenção das árvores da Avenida Jaguarari que estavam sendo retiradas pela prefeitura de Natal para duplicação da via, finalmente o bom senso imperou e o corte foi interrompido.


Ciente do apelo dos moradores que acionaram representantes do movimento ambiental, o Ministério Público convocou reuniões com representantes da Prefeitura de Natal, reunindo todas as partes em uma mesma mesa, ficou decidido que as árvores que restaram não serão derrubadas e o canteiro será adotado pela Escola Dom Marcolino Dantas. Também ficou decidido que as árvores que foram arrancadas serão replantadas e as que de nenhuma maneira se adequarem ao projeto, ao invés de derrubadas, serão transplantadas para o canteiro da mesma avenida.


Professor Robério Paulino em audiência no Ministério público defendendo a permanência das árvores.

Para o professor Roberio Paulino, líder do movimento pelo fim da derrubada, que havia inclusive se acorrentado em uma das árvores em protesto, essa foi uma vitória muito simbólica. “Em média uma árvore leva 15 anos para chegar à fase adulta, é um esforço gigante para que elas cresçam e arborizem nossa cidade para depois serem cortadas em segundos? Quero parabenizar todos que abraçaram essa nobre causa junto com a gente ! Só a luta muda a vida!!!! Vitória de Natal e de seus moradores e moradoras, vitória do meio ambiente. ,” declarou Roberio Paulino que também é vereador pelo Psol em Natal, coordena o projeto Arboriza que já doou milhares de mudas para várias cidades do Rio Grande do Norte e, antes do recesso parlamentar, conseguiu aprovar projeto de lei para plantio de 50.000 árvores na capital potiguar.

Professor Robério e ativistas ambientais em ato em defesa das árvores na rua Jaguarari.

Dando continuidade ao trabalho em defesa do meio ambiente em todo o estado, no próximo dia 25 de agosto, em Caicó, será realizada a Primeira Assembleia Permanente da Cop Clima Potiguar que além da instalação de um viveiro de árvores, também terá como tema transversal a importância da correta destinação dos resíduos sólidos nos municípios do Rio Grande do Norte.

12 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Comments


bottom of page