top of page

PROFESSORES DO ESTADO APROVAM GREVE. PROFESSOR ROBÉRIO PAULINO PARTICIPOU DA ASSEMBLEIA


Uma assembleia de professoras e professores, realizada hoje na Escola Estadual Winston Churchill, promovida pelo SINTE‐RN, aprovou greve da categoria por tempo indeterminado. "Não há acordo da categoria com a proposta apresentada pelo Governo do RN, que não atende às reivindicações mínimas dos professores, que pedem o pagamento integral dos 14,95% de defasagem salarial e reivindicam o recebimento, em 12 parcelas, das perdas retroativas a 2022 ainda neste ano“ esclareceu Robério.



Outras pautas da greve são a necessidade de concurso público, a falta de infraestrutura de algumas unidades de ensino, a implantação do Plano de Cargos, Carreiras e Remuneração para os funcionários da educação, as gratificações para os diretores e vices-diretores, proporcionais ao tamanho das escolas.


Sem acordo com a proposta do governo, a greve começará na próxima terça-feira, (07/03). Na assembleia, os professores decidiram ainda que, na segunda (06/03), vão conversar com a comunidade escolar, principalmente os pais de alunos, para comunicar os motivos pelos quais decidiram parar as atividades.


“É muito triste constatar que a greve é um último recurso para pressionar e conseguir o mínimo de dignidade para a categoria. Sabemos que tanto alunos, famílias e os próprios professores saem prejudicados. Mas entre outros motivos importantes, a greve dos educadores é legítima porque o Rio Grande do Norte é um dos estados que pior paga aos professores, exatamente em um estado governado por uma professora, o que devia ser o contrário", argumentou o vereador Robério.

17 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Σχόλια


bottom of page